PTR Alfa





Se és novo por cá apresenta-te que te garanto que serás bem recebido
Bem vindo à casa do Clã PTR Alfa
PTR Alfa

Clã de Jogos da Playstation 3

Últimos assuntos

» TamaGuucha no youtubas :p
Sex 20 Jun 2014, 22:19 por TamaGuucha

» Battlefield Hardline
Sab 07 Jun 2014, 10:04 por Pires891

» Xbox One – Pré-reservas batem recordes na loja Blockbuster
Sex 06 Jun 2014, 21:14 por Pires891

» Watch Dogs
Seg 02 Jun 2014, 19:42 por pcruz95

» Qual o/s perk/s que mais vos irritou na história do Cod??
Seg 26 Maio 2014, 21:55 por zeph_ch1qo

» PS4 - Tirar algumas das dúvidas mais importantes
Seg 26 Maio 2014, 15:18 por Pires891

» Open packs com Digasbeicinho e PIWBA 360 FIFA 2014
Dom 25 Maio 2014, 15:10 por PIWBA

» Cod Ghosts no seu melhor
Sab 24 Maio 2014, 10:40 por Pires891

» Official Call of Duty®: Advanced Warfare Reveal Trailer
Sab 24 Maio 2014, 08:13 por Pires891

» Qual é a tua arma favorita no MW2?
Qua 21 Maio 2014, 17:47 por carnavall

» carnavallno BF4
Seg 19 Maio 2014, 15:09 por warcreator

» League of legends
Ter 11 Mar 2014, 15:47 por Psipunisher

» Maluqueiras no GTAV
Dom 02 Mar 2014, 19:23 por warcreator

» Borderlands 2′s Last DLC, Sir Hammerlock and The Son Of Crawmerax
Qua 19 Fev 2014, 17:36 por carnavall

» PS4 Guides - Como Criar a cross-game party na PlayStation 4
Seg 20 Jan 2014, 15:10 por carnavall

» Battlefield 4
Sab 18 Jan 2014, 19:09 por mitrense

» Sondagem - PS4
Qua 15 Jan 2014, 18:47 por moreira88

» Official Call of Duty®: Ghosts Onslaught DLC Pack
Seg 13 Jan 2014, 21:10 por HFDesign

» Battlefield vs Call of Duty Rap Battle
Sex 13 Dez 2013, 12:27 por warcreator

» Call of Duty: Ghosts: Vídeo "DLC Wolf"
Qui 12 Dez 2013, 19:26 por warcreator

» Battlefield 4 China Rising Map Overviews; Guilin Peaks, Altai Ran
Sab 30 Nov 2013, 10:22 por mitrense

» Vejam como funcionam os comandos de voz da PS4
Ter 26 Nov 2013, 13:49 por HFDesign

» Série Battlefield Friends ;)
Ter 26 Nov 2013, 13:06 por warcreator

» MEO XLPARTY FIL 2013 - INSCRIÇÕES & TORNEIOS
Ter 26 Nov 2013, 12:27 por PTGAMERLAN

» Torneio de FIFA 14 - PS4
Seg 25 Nov 2013, 18:11 por PTGAMERLAN

» Nova funcionalidade PS4
Dom 24 Nov 2013, 13:04 por Mortal_89

» Teaser do novo Uncharted
Seg 18 Nov 2013, 14:23 por Mortal_89

» Ps4 desfeita no dia de lançamento
Dom 17 Nov 2013, 17:40 por HCDnB

» O Worten Ultimate Challenge está de volta!
Ter 05 Nov 2013, 12:04 por carnavall

» Instruções para fazer o Upgrade de jogos da PS3 para a PS4
Seg 04 Nov 2013, 00:24 por HFDesign

» Sony publica o derradeiro guia sobre a PlayStation 4
Qua 30 Out 2013, 20:48 por HFDesign

» Todos os mapas de Uncharted 3 estão gratuitos
Qua 30 Out 2013, 18:12 por TamaGuucha

» Novos rumores apontam mais problemas para a Xbox One
Qua 30 Out 2013, 18:09 por TamaGuucha

» Aplicação da PlayStation estará disponível na Europa a 22 de Nov.
Qua 30 Out 2013, 12:08 por HFDesign

» Conteúdos exclusivos PlayStation de ACreed 4 fora das outras!
Qua 30 Out 2013, 12:07 por HFDesign

» GTA V eleito o melhor jogo do ano nos Golden Joystick Awards
Ter 29 Out 2013, 13:52 por warcreator

» Função Suspender/resumir não estará disponível no lançamento
Ter 29 Out 2013, 10:59 por HFDesign

» Killzone: Shadow Fall quase sem loadings
Ter 29 Out 2013, 10:58 por HFDesign

» PlayStation 4 não permite wallpapers personalizados!
Ter 29 Out 2013, 10:57 por HFDesign

» Official Call of Duty®: Ghosts Extinction Reveal Trailer
Seg 28 Out 2013, 21:18 por HFDesign

» Anunciadas as especificações finais da Playstation 4
Seg 28 Out 2013, 21:17 por HFDesign

» Exclusive Battlefield 4 Flood Zone - Video Gravado em Estocolmo
Sex 25 Out 2013, 19:40 por HFDesign

» Battlefield 4 multiplayer em1ª mão Paracel Storm and Obliteration
Sex 25 Out 2013, 11:20 por HFDesign

» Battlefield 4 - novo mapa Flooded e modo de jogo Defuse 5 Vs 5
Sex 25 Out 2013, 11:09 por HFDesign

» PlayStation: The Best Place #4ThePlayers to Play
Qui 24 Out 2013, 17:45 por warcreator

» Party Chat de voz na PS4 suporta até 8 utilizadores
Qui 24 Out 2013, 17:44 por warcreator

» PS4 permite a utilização de nomes reais no lançamento
Qui 24 Out 2013, 17:44 por warcreator

» MGS 5
Sex 18 Out 2013, 07:43 por Rubenzito1995

» Canal de Compilações FIFA Youtube
Qua 09 Out 2013, 11:50 por hugocruzz

» GTAV multiplayer
Dom 22 Set 2013, 21:21 por carnavall

» Poderão experimentar PES 2014 a 11 de setembro
Sab 24 Ago 2013, 16:55 por HFDesign

» Anunciado Minecraft para a PS4
Sab 24 Ago 2013, 16:54 por HFDesign

» Upgrade de Call of Duty: Ghosts para a PS4 e Xbox One
Sab 24 Ago 2013, 16:53 por HFDesign

» BF3 cinema...
Dom 18 Ago 2013, 10:55 por mitrense

» Dying light
Sab 17 Ago 2013, 18:07 por HCDnB

» Call of Duty: Ghosts - Toda a Informação sobre o Jogo Single e MP
Sab 17 Ago 2013, 12:56 por mitrense

» CALL OF DUTY GHOSTS MULTIPLAYER GAMEPLAY
Qui 15 Ago 2013, 08:31 por warcreator

» Sony prepara pacote com PlayStation 4 e Vita por 500$
Sex 09 Ago 2013, 21:05 por Mortal_89

» PTR ALFA - Treino e Tácticas - by General Kerbey
Dom 04 Ago 2013, 11:41 por TamaGuucha

» Futura oferta PSN
Dom 04 Ago 2013, 11:21 por mitrense

» Que brinquedo ;)
Qui 01 Ago 2013, 19:51 por mitrense

» Batman: Arkham Origins Multiplayer: Invisible Predator Online!
Qui 01 Ago 2013, 12:04 por HFDesign

» Battlefield: Bad Company
Sab 20 Jul 2013, 05:06 por Alon

» Novos detalhes de Battlefield 4 revelados
Sex 19 Jul 2013, 00:53 por carnavall

» PlayStation 4 suportará Headsets sem fios da sua antecessora
Qui 18 Jul 2013, 23:08 por warcreator

» PS Plus - Ofertas do mês de Agosto!
Qui 18 Jul 2013, 23:07 por warcreator

» O trio de personagens de GTA V não será jogável desde o início
Qua 17 Jul 2013, 11:57 por HFDesign

» FIFA 14 vai ter 19 clubes brasileiros
Qua 17 Jul 2013, 11:56 por HFDesign

» Sony vai descontinuar serviços Online de MAG e SOCOM
Qua 17 Jul 2013, 11:55 por HFDesign

» Modo multijogador de Call of Duty: Ghosts revelado em breve
Qua 17 Jul 2013, 11:54 por HFDesign

Quem está conectado

4 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 4 Visitantes

Nenhum


[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 129 em Dom 07 Nov 2010, 20:49

Login

Esqueci minha senha


Estatísticas

Os nossos membros postaram um total de 167131 mensagens em 8520 assuntos

Temos 2497 usuários registrados

O último usuário registrado atende pelo nome de miguel27


    ANÁLISE EUROGAMER - Castlevania: Lords of Shadow

    Compartilhe

    Devhour
    [Forum] Brigadeiro
    [Forum] Brigadeiro

    Idade : 33
    Localização : Santo Tirso
    Data de inscrição : 15/06/2009
    PSN ID : Devhour
    GamerTag : talk to the hand!

    ANÁLISE EUROGAMER - Castlevania: Lords of Shadow

    Mensagem por Devhour em Qua 27 Out 2010, 09:24

    ANÁLISE EUROGAMER - Castlevania: Lords of Shadow

    Castlevania é uma daquelas séries extremamente bem sucedidas no campo do 2D que teve algumas dificuldades em adaptar-se 3D, o que eu quero dizer é, embora os jogos tridimensionais de Castlevania tenham recebido notas que variam entre o bom e o razoável, nunca conseguiram alcançar a grandeza e a glória que a série possuía na época do 2D (Castlevania: Symphony of the Night diz olá). Por esta razão, creio que um dos objectivos para Castlevania: Lords of Shadow é acabar com esta "tradição" e por a série de volta nos carris.

    Castlevania é uma das franquias mais valiosas da Konami, e como tal, decidiu entregá-la a uma das figuras mais célebres desta indústria, Hideo Kojima. Kojima por sua vez confiou a produção de Lords of Shadow à produtora espanhola Mercury Steam. A Kojima Productions ficou apenas com a função de supervisionar/dar conselhos para o jogo.

    Convém referir que Castlevania: Lords of Shadow é um recomeço da série, os seus acontecimentos e história não estão necessariamente ligados aos títulos anteriores. A razão pela qual se decide reiniciar uma série é evidente, para dar uma nova imagem, para atrair jogadores não-familiarizados e para haver mais liberdade criativa. Sem as correntes dos Castlevania anteriores a Mercury Steam pôde dar vida à sua visão de Castlevania.

    A trama deste Castlevania passa-se no ano de 1047. A ligação da Terra com os céus foi separada pelos Lords of Shadow e como consequência criaturas sobrenaturais vagueiam livremente atacando os vivos e as almas dos mortos não conseguem ascender aos céus. O amor da personagem principal, Gabriel Belmont (devido a isto ser um reiniciar da série, há dúvidas se Gabriel pertence ou não à família Belmont dos outros Castlevania, apesar do seu apelido indicar que sim), foi morta por uma destas criaturas e a sua alma está presa na Terra. Gabriel é um membro da Brotherhood of Light, um irmandade que protege os humanos das criaturas sobrenaturais, e embarca numa missão para derrotar os Lords of Shadow e salvar o mundo, e ainda para obter a God Mask (está dividida em três pedaços, cada Lord of Shadow dá acesso a um deles) que tem o poder para ressuscitar os mortos, com esta mascara Gabriel pretende trazer de volta a sua amada.

    As primeiras horas de jogo assustaram-me devido à sua repetividade, mas felizmente, as primeiras horas não representam Lords of Shadow por inteiro, o jogo vai melhorando ao longo dos 12 capítulos. Uma das razões para isto são os elementos que vão sendo adicionados à jogabilidade. Através de uns mecanismos encontrados em alguns níveis a cruz de Gabriel pode ser melhorada com mais funções, uma das mais importantes e que desbloqueamos nos primeiros capítulos é uma corrente que vai ajudar imenso secções de platforming.

    Esta corrente não será a única habilidade que irão desbloquear, o jogo todo "brinca" com uma série da habilidades que vão sendo desbloqueadas, e digo brinca porque se quisermos explorar certas áreas temos de voltar atrás nos capítulos pois naquela altura ainda não tínhamos desbloqueado determinada habilidade. Se fizerem isto, a longevidade aumenta ainda mais.

    O que distingue Castlevania: Lords of Shadow de outros jogos do género é a exploração dos níveis. Agradou-me o facto de não serem completamente lineares e de haver recompensas para quem explorar ao máximo, existem caminhos alternativos que levam a recompensas, nomeadamente umas pedras preciosas aumentam a nossa energia vital.

    Ao longo desta jornada Gabriel vai ficando mais poderoso e nós conseguimos sentir isso. Com os pontos que ganhamos ao avançar de nível em nível e de capítulo em capítulo podemos (e devemos) adquirir novos combos para Gabriel, são tantos e tantos que é difícil lembrar de todos eles, mas sinceramente, não precisam de preocuparem-se em sabê-los, a essência da jogabilidade de Castlevania: Lords of Shadow resume-se a saber conjugar os botões quadrado triângulo e a saber quando nos devemos desviar dos ataques inimigos.

    Lutar contra criaturas sobrenaturais não será a única coisa que irão fazer neste título, foram incluídos uma boa dose puzzles para resolverem, no entanto a Mercury Steam foi generosa e se apenas procuram acção e não querem perder tempo nestas secções podem simplesmente desbloquear a solução. Considero esta função bastante útil, mesmo que consigam resolver alguns dos puzzles, haverá alguns em que se calhar terão mais dificuldade, e em vez de irem procurar a solução à Internet (isto é uma realidade nos dias que correm), desbloqueiam a solução e continuam a jogar sem interrupções.

    Não há que enganar que Lords of Shadow vai buscar inspiração a jogos como God of War, não só na sua utilização de QTE, mas também em alguns objectos que Gabriel ganha aos derrotar os Lords of Shadow. No decorrer desta aventura vamos ganhar umas botas que nos permitem correr mais rápido (aonde é que eu já vi isto?) e umas asas que nos ajudam a saltar longas distâncias (também já vi isto em algum lado). Não condeno o jogo por ir buscar características de God of War, visto que o título da Santa Monica Studios é um dos mais famosos da marca PlayStation e um dos mais aclamados.
    Nada melhor que verem os primeiros 15 minutos para saberem o que esperar.

    Castlevania: Lords of Shadow aposta numa progressão lenta e vai contando a história lentamente (não dá logo as cartas todas). É um dos jogos mais longos que já joguei do género, no entanto, a sua longevidade não faz com que se torne repetitivo ou aborrecido, apresenta muita variedade, seja na jogabilidade que vai evoluindo, nas secções de platforming, puzzles ou acção.

    A variedade nos cenários dos níveis faz-nos sentir que estamos realmente numa jornada. Nota-se que a Mercury Steam tratou os cenários e design dos níveis com muito cuidado e deu muita atenção aos pormenores. Alias, a nível gráfico está muito bom, mas não posso deixar de mencionar que reparei que a framerate de Castlevania: Lords of Shadow pode atingir níveis baixos, em algumas ocasiões, algo que não é nada agradável, embora não afecta a experiência geral.

    O maior defeito que posso apontar a Castlevania: Lords of Shadow é que não traz nada que não tenhamos visto noutros jogos. Falta-lhe algo que o torne verdadeiramente único, não estou a dizer que é exactamente igual a outros jogos porque não o é, apenas gostava poder dizer algo como "Nunca vi isto em nenhum lado", resumindo, falta-lhe uma identidade mais forte.

    De qualquer forma, o defeito apontado em cima não impede Castlevania: Lords of Shadow de ser bastante agradável de jogar. Com este título a série Castlevania está num bom caminho, embora não tenha sido desta vez que a glória dos Castlevania 2D tenha sido recuperada, e sinceramente, acho que esse feito nunca será alcançado. Não obstante, a Mercury Steam fez um óptimo trabalho e penso que deveria produzir futuros títulos da série pois conseguiu dar um rumo a esta série que estava meia perdida.

    8/10




      Data/hora atual: Sab 03 Dez 2016, 06:55